Hidratando a Alma: Filme Ghost – Jerry Zucker

01 junho 2019

Oooiiieeee!

E vamos hidratar a alma hoje com um filme master blaster ultra super top clássico: Ghost, lançado em 1990, com direção de Jerry Zucker e com as participações de Patrick Swayze, Demi Moore e Whoopi Goldberg.

(Clique aqui para conhecer o conteúdo exclusivo no Instagram)

SINOPSE:

Sam Wheat (Patrick Swayze) e Molly Jensen (Demi Moore) formam um casal muito apaixonado que tem suas vidas destruídas, pois ao voltarem de uma apresentação de “Hamlet” são atacados e Sam é morto. No entanto, seu espírito não vai para o outro plano e decide ajudar Molly, pois ela corre o risco de ser morta e quem comanda a trama, e o mesmo que tirou sua vida, é quem Sam considerava seu melhor amigo. Para poder se comunicar com Molly ele utiliza Oda Mae Brown (Whoopi Goldberg), uma médium trambiqueira que consegue ouvi-lo, para desta maneira alertar sua esposa do perigo que corre.

O filme conta a história dos recém casados Sam e Molly e a nova vida do casal no apartamento que compraram em Nova York.

Sam é bancário, descobre uma diferença muita grande em muitas contas e resolve investigar junto com seu amigo e colega de trabalho.

Tudo ia bem quando o casal é assaltado e Sam é morto. A partir de então, vemos o protagonista confuso e tentando lidar com a sua nova vida.

Desencarnado, o bancário descobre toda a verdade tanto da sua morte quanto das questões que estão acontecendo no banco. Inconformado, vai atrás de uma pseudo-vidente para ajudá-lo a tentar se comunicar com Molly.

Oda Mae Brown acaba descobrindo que realmente possui mediunidade e começa a fazer esse meio de campo entre mortos e vivos.

As situações e plow twists vão se desenrolando até que Sam consegue, enfim, “cumprir sua missão” e ir cuidar de si.

A parte leve e engraçada do filme fica por conta da lindíssima e talentosíssima da Whoopi Goldberg e sua pseudo-que-existe-mediunidade.

Confesso que fazia um tempão que não existia Ghost e foi incrível ver e analisar já tendo um pouquinho de bagagem espiritual.

Quando eu era “crua”, achei tudo tão lindo e romântico. Hoje, tive outra percepção. Mesmo assim coloquei o óculos cor de rosa porque algumas partes são fofíssimas.

A obra acaba se tornando uma aula de como desencarnados ficam atormentados com a sua morte. Nesse caso, ele se libertou depois que colocou todos os pingos nos is. Infelizmente, na vida real, muitos buscam outras desculpas para continuarem em volta dos seus entes.

Também é uma aula de mediunidade. Acaba se tornando uma linha muito tênue entre uma médium que está ajudando a “desvendar um crime” e uma obsessão de desencarnado para encarnado para fins próprios.

FILME COMPLETO:

Qualquer dúvida ou sugestão é só escrever nos comentários ou enviar um e-mail para contato@hidratarvicia.com.br

Beijos! 😉

(0) Comentários
Sobre
Ooooiee! Eu sou a Juliana, mais pode me chamar de Ju. :) Nasci e moro em Porto Alegre / RS. Sou Jornalista. Amo escrever. Sou espírita e adoro um hidratante corporal. Vem conferir como é normal ser espírita....ou vice versa. :P

Você pode também gostar

Comente pelo Facebook

Deixe seu comentário