Hidratando a Alma: Filme Uma Grande Ilusão – Francesca Gregorini

26 outubro 2019

Oooieeee!

Bora hidratarmos a alma nessa sabadão com o filme espiritualista A Grande Ilusão, lançado em 2013, dirigido por Francesca Gregorini, conta com a participação da atriz Jessica Biel e está no catálogo da Netflix.

(Clique aqui para conhecer o conteúdo exclusivo no Instagram)

SINOPSE:

Linda (Jessica Biel) se mudou há pouco tempo e logo contratou Emanuel (Kaya Scodelario), uma jovem de 17 anos, para cuidar de seu filho. O problema é que a criança não existe, já que morreu tempos atrás. Sem aceitar o ocorrido, Linda segue cuidando de uma boneca como se ela fosse seu filho verdadeiro.

A obra tem duas protagonistas principais: Emanuel, uma jovem de 18 anos e a mãe morreu no parto na hora da sua chegada ao mundo. E Linda, uma moça casada e acabou de chegar no bairro, mais precisamente, torna-se vizinha de Emanuel.

A adolescente é muito rebelde e, mesmo com o passar dos anos, não consegue aceitar a perda materna e se culpa de certa forma de ter sobrevivido. Apesar desse lado, é muito inteligente e perspicaz.

Por algum motivo, se afina instantaneamente com Linda e se oferece para ser babá do seu filho. E a partir de então começa uma simbiose entre as duas que não se sabe quando começa a dor de uma ou termina a da outra.

Linda esteve grávida e a criança morreu por motivos inexplicáveis. Ela não conseguiu se despedir e entrou em um processo misto de negação e luto. Com isso, acaba comprando uma boneca e faz a mesma de filha. Já Emanuel, em vez de avisar aos familiares e pessoas responsáveis, por motivos psicológicos e se vendo na boneca, entra na onda também.

Esses dias eu postei por aqui uma palestra do Raul Teixeira onde ele fala daquelas pessoas que perdem seus entes queridos e ficam incapacitadas de se despedirem e enfrentarem o luto de forma “saudável” e digna. E é essa sensação passada da personagem Linda.

Já Emanuel é um misto de síndrome de sobrevivente com raiva por não ter o carinho materno. Mesmo a madrasta querendo suprir essa falta depois de anos.

Esse filme é tão simples e humano. Emanuel mostrou um lado tão doce, empático e caridoso no fim que chorei. Nos mostra como a importância de encerrar ciclos é fundamental para seguir adiante.

Qualquer dúvida ou sugestão é só escrever nos comentários ou enviar um e-mail para contato@hidratarvicia.com.br

Beijos! 😉

(0) Comentários
Sobre
Ooooiee! Eu sou a Juliana, mais pode me chamar de Ju. :) Nasci e moro em Porto Alegre / RS. Sou Jornalista. Amo escrever. Sou espírita e adoro um hidratante corporal. Vem conferir como é normal ser espírita....ou vice versa. :P

Você pode também gostar

Comente pelo Facebook

Deixe seu comentário