Brasil, Coração do Mundo, Pátria do Evangelho – Francisco Cândido Xavier

27 maio 2020

Brasil, Coração do Mundo, Pátria do Evangelho / Francisco Cândido Xavier / Pelo Espírito Humberto de Campos / 218 Páginas / Editora Feb / ☆☆☆☆☆

SkoobGoodreads

Oooieeee!

E daí eu reli Brasil, Coração do Mundo, Pátria do Evangelho escrito por Francisco Cândido Xavier em parceria com o espírito Humberto de Campos.

Partiu conferir todos os detalhes na resenha.

(Clique aqui para conhecer o conteúdo exclusivo no Instagram)

RESUMO:

Este surpreendente livro vem esclarecer as origens remotas da formação da Pátria do Evangelho, como afirma o Espírito Emmanuel no prefácio. Ditado em 1938 a Francisco Cândido Xavier, analisa fatos da História do Brasil, objetivando demonstrar a missão evangelizadora da nação e o acompanhamento feito por Jesus do seu processo evolutivo. A partir de impressionantes dados colhidos no plano espiritual, tece comentários sobre a escravidão, os movimentos nativistas, a Independência, a Guerra do Paraguai, o Espiritismo e o Movimento Espírita no Brasil. Explica a missão da pátria brasileira como “coração espiritual da Terra”, evidenciada pela espontânea e enorme acolhida que a Doutrina Espírita, codificada por Allan Kardec, teve em nosso país, concitando o povo à prática do Evangelho de Jesus, a fim de irradiar à humanidade a paz e a fraternidade.

O livro possui 30 capítulos e vai caminhando pela história do Evangelho, do mundo e do Brasil, além de mostrar como as terras brasileiras tornaram-se “capital” do Evangelho de Jesus.

Inicia ainda nos tempos de Jesus, depois chega até as Cruzadas, passando pelas expedições, chegando em Cabral e, consequentemente, na descoberta do Brasil.

Sobre o Brasil fala sobre as questões dos missionários, escravos, a civilização brasileira, os negros do Brasil e a invasão holandesa.

A partir do capítulo 9, vai ocorrendo uma mescla de assuntos sobre o Brasil e Portugal como a restauração do país português, as bandeiras, os movimentos nativistas, nos tempos dos vice-reis, Pombal e os jesuítas, a Inconfidência Mineira, a Revolução Francesa, João VI no Brasil, a emancipação, chega até a Independência, D. Pedro II, fim do primeiro reinado, a guerra do Paraguai, o movimento abolicionista e a República.

A Espiritualidade em si começa a ser abordada a partir do capítulo 22 com Bezerra de Menezes, depois aparece novamente nos capítulos 28 sobre o surgimento da Federação Espírita Brasileira, 29 com o Espiritismo no Brasil e 30 com as terras brasileiras sendo a pátria do Evangelho.

Durante toda a narrativa, são colocadas pitadas espirituais na história, mostrando todo o amparo da Espiritualidades nos fatos históricos do Brasil e do mundo, sempre deixando claro que nunca estamos desamparados.

Além disso, é inacreditável ver como o livro é absolutamente atual. Levei um susto quando li “…Um sopro de reformas se anuncia, impetuoso, no âmago das organizações religiosas da Europa e, em breves dias, Roma conhecerá momentos muitos amargos…” e “….mas temos de aproveitar as possibilidades que seu campo nos oferece para encetar essa obra da edificação da pátria do Cordeiro de Deus”. Parece ter sido escrito ontem, não é mesmo!?

O texto é de fácil entendimento e a leitura é fluída, porém, Chico é Chico e é sempre ótimo ir lendo aos poucos e absorvendo o conteúdo.

Onde Achar:

Disponível em formato físico e e-book:

(Blog ganha comissão por venda)

Qualquer dúvida ou sugestão é só escrever nos comentários ou enviar um e-mail para contato@hidratarvicia.com.br

Beijos! 🙂

(0) Comentários
Sobre
Ooooiee! Eu sou a Juliana, mais pode me chamar de Ju. :) Nasci e moro em Porto Alegre / RS. Sou Jornalista. Amo escrever. Sou espírita e adoro um hidratante corporal. Vem conferir como é normal ser espírita....ou vice versa. :P

Você pode também gostar

Comente pelo Facebook

Deixe seu comentário