Contos do Dia a Dia – Zibia Gasparetto

17 setembro 2021

Contos do Dia a Dia / Zibia Gasparetto / 200 Páginas / Editora Vida e Consciência / ☆☆☆☆

SkoobGoodreads

Oooiiieeee!!!

E chegamos ao 36º livro do Projeto Lendo Zibia Gasparetto: Contos do Dia a Dia, escrito pela autora em 2012, em parceria com diversos autores e lançado pela Editora Vida e Consciência.

Partiu conferir todos os detalhes na resenha abaixo.

(Clique aqui para conhecer o conteúdo exclusivo no Instagram)

RESUMO:

Histórias inéditas repletas de grandes e tocantes ensinamentos, escritas ao longo de 30 anos. Por meio de espíritos diversos, Zibia Gasparetto nos traz casos reais psicografados enquanto seu filho Luiz Gasparetto recebia os mestres da pintura. Estas pequenas e cativantes histórias abrem nossa mente, fazendo-nos reciclar valores, modificar ideias, caminhar ligados no Bem, de modo que desenvolvemos o nosso mundo interior.

Como o próprio nome já diz, é uma obra com 13 contos, mais a folha de rosto, apresentação, contos psicografados onde a autora discorre sobre os motivos do livro e os créditos.

Inicia sobre o encontro contado pelo Gilberto Freyre e depois continua com as outras histórias como ultrapassando limites do Marcos Vinícius, encontro com o bem do Enio Santos, o encosto do Gustavo Barroso, planejando o futuro do Geraldo Medeiros, o recesso do Marcos Vinícius novamente, conversando com Deus do Paulo Setúbal, encontro com o destino do Acássio Mendes, a poesia do Albert Schultz Wasserman, a volta de “um amigo”, vantagens do saber, o relógio de ponto (Ambos do Marcos Vinícius) e o caipira do Gustavo Barroso.

As histórias misturam situações do cotidiano, relações amorosas e interpessoais, questões de pensamentos e energias e também espirituais, principalmente de que nem tudo é magia ou inveja e são somente situações que nos mesmos criamos em virtude de n motivos. As narrativas que mais me chamaram a atenção foram: A primeira onde a moça é abandonada após o casamento, cria o filho sozinha, sobe na vida por esforço próprio e anos depois reencontra o marido e entende o quanto venceu na vida sem precisar “fazer nada”, digamos assim. Depois do casal antigo, onde ela entendeu que era possível ser autossuficiente e o quanto isso auxiliou na relação, além da importância do pensamento elevado. A terceira é do marido que foi abandonado pela esposa e, pensando em várias coisas negativas, acabou sentando em um banco da praça e conheceu outro cara que também estava com situação parecida e ambos começaram uma ajuda mútua. E o quarto é a reflexão trazida por Oswald de Andrade sobre as questões de ponto de vista sobre beleza e o que, de fato, é bonito ou feio.

O texto é de fácil entendimento e a leitura é fluída e envolvente. E pela primeira vez, senti um livro da Zibia com aquela famosa vibe “ela só fez para vender livro”. Algumas crônicas são reflexivas, independente de ter ou não teor espiritual, mas sinceramente ficou nítido, pelo menos pra mim, que ela sentou um dia e criou 13 contos inspirados em tudo que já tinha vivido e ouvido. Simples assim! Mas né? Ainda tem crédito diante das outras tantas obras incríveis produzidas e publicadas.

Próxima Parada: 15 de Outubro de 2021 com Só O Amor Consegue.

Onde Achar:

Disponível em formato físico e digital:

(Blog ganha comissão por venda)

Qualquer dúvida ou sugestão é só escrever nos comentários ou enviar um e-mail para contato@hidratarvicia.com.br

Beijos! 🙂

(0) Comentários
Sobre
Ooooiee! Eu sou a Juliana, mais pode me chamar de Ju. :) Nasci e moro em Porto Alegre / RS. Sou Jornalista. Amo escrever. Sou espírita e adoro um hidratante corporal. Vem conferir como é normal ser espírita....ou vice versa. :P

Você pode também gostar

Comente pelo Facebook

Deixe seu comentário