Violetas na Janela – Vera Lúcia Marinzeck de Carvalho

17 setembro 2018
Violetas na Janela / Vera Lúcia Marinzeck de Carvalho / 224 Páginas / Editora Petit☆☆☆☆☆

SkoobGoodreads

Oláááá! Vamos para mais um cláááááásico da literatura espírita: Violetas na Janela ou como muitos dizem “aquele da Patrícia no mundo espiritual?” SINOPSE: Patrícia desencarnou aos dezenove anos. No mundo dos espíritos, recorda que despertou tranquilamente no plano espiritual, sentindo-se entre amigos. Feliz com a acolhida, adaptou-se à nova vida auxiliada por espíritos benfeitores que a receberam na Colônia São Sebastião. Em Violetas na janela, Patrícia explica o que é a desencarnação. Descreve as belezas do plano espiritual, onde não faltam trabalho, estudo e diversão. No início, estava cheia de dúvidas… Do que se alimentaria? O que vestiria? Sentiria as mesmas necessidades? Enfrentaria o calor, o frio? Aos poucos, tudo se esclareceu ao conviver com outros jovens desencarnados.  Conheça o outro lado da vida: entenda como devemos proceder diante da morte de um ente querido – o que fazer para superar a separação e confortar aquele que partiu. Patrícia exemplifica a lição, relembrando a inesquecível ajuda que recebeu de familiares espíritas. É inevitável não lembrar de Nosso Lar, quando André Luiz desencarna e vai parar no Umbral e depois na colônia (Inclusive já tem resenha por aqui). E sim! Existem paralelos e opostos muito interessantes entre ele e Nosso Lar. Patrícia era jovem, espírita, frequentava Centro Espírita e estudava a doutrina antes de desencarnar. Com ela, conhecemos a colônia São Sebastião e como flores e livros (entre outras coisas) são plasmados. E como ocorre o processo de volitação. Em vários momentos da leitura, Patrícia sabia o que fazer, mesmo de modo simples, por já ter estudado. Saca você na prova quando lê aquela questão e: “Aaaah! Isso eu estudei na apostila tal”. A mesma coisa. Daí vem a pergunta: “Mais Ju! Só os espíritas tem a sorte de não passarem pelo umbral?”. Não. E muitos vão para lá por muitas questões (vaidade, egocentrismo, uma coisa na rua e outra em casa…). E muitos não-espíritas chegam nas colônias antes. Não que seja uma competição de ver quem chega primeiro, mas, tudo é uma questão de como a pessoa realmente é e não de sua religião. E para quem não sabe: Há 20 anos está em cartaz pelo Brasil a peça do livro com a participação da atriz Ana Rosa. Onde Achar: Editora Petit / Saraiva / Amazon

Fan Page do Blog:

Qualquer dúvida ou sugestão é só escrever nos comentários ou enviar um e-mail para contato@hidratarvicia.com.br

Beijos! 🙂

(1) Comentário
Sobre
Ooooiee! Eu sou a Juliana, mais pode me chamar de Ju. :) Nasci e moro em Porto Alegre / RS. Sou Jornalista. Amo escrever. Sou espírita e adoro um hidratante corporal. Vem conferir como é normal ser espírita....ou vice versa. :P

Você pode também gostar

Comente pelo Facebook

Deixe seu comentário

1 Comentário

  • […] no Mundo dos Espíritos é o segundo da série Violetas na Janela (Post aqui da 1ª obra) e aqui vemos a protagonista 6 meses depois de desencarnar, estudando e visitando os […]